Rally Transcatarina: disputa rápida, acirrada e diferenciada

publicado em: 25/07/2014

 

O segundo dia de prova do Rally Transcatarina teve "pegada". Entre Canoinhas e Rio Negrinho o terreno foi bem misto, com variedade de obstáculos que, mais uma vez, impuseram um nível técnico bastante elevado

 

A caravana do 6º Rally Transcatarina aportou nesta sexta-feira na cidade de Rio Negrinho, SC, depois de largar de Canoinhas e passar por Papanduva, SC. Foram 140 quilômetros de trecho cronometrado, nos quais as 158 duplas participantes tiveram de mostrar que entendem de rali de regularidade; ao mesmo tempo em que o Transcatarina é exigente e desafiador ele é divertido.

Nesta fase, as médias de velocidade impostas na planilha estavam altas, proporcionando uma disputa mais rápida e dinâmica. "Isso é o interessante deste evento, as médias de velocidade que temos de obedecer estão sempre no limite, e se você piscar os olhos, já perde o tempo e fica atrasado. E tudo isso bem calculado, sem nos expor à riscos de acidentes", explicou o piloto Victor Pudell.

De Canoinhas a Rio Negrinho: a diversão foi garantida

Um roteiro que ofereceu muito de tudo! O percurso adentrou algumas propriedades particulares de plantações de pinus, com estradas planas e cascalhadas. No período da manhã, o terreno ainda estava molhado e bastante escorregadio, devido a chuva do dia anterior. Os carros patinavam e saiam de lado, exigindo braço do piloto para mantê-lo na trilha, e agilidade dos navegadores para corrigir o hodometro, uma vez que o pneu roda em falso boa parte do tempo.

À tarde, o terreno já era outro, com novas características: seco e poeira, isso sem falar da quantidade de laços e balaios que obrigaram os participantes a pensarem rápido, muito rápido!

Um pódio extremamente cobiçado

O nível de competitividade no Rally Transcatarina é alto, e manter-se no topo do pódio até o final da disputa é algo extremamente difícil. Porém, na categoria Super Máster, Flávio Roberto Kath e Rafain Walendowsky mantiveram a melhor regularidade e novamente subiram no primeiro lugar do pódio. O segundo lugar também foi repetido por Acyr Hideki Rodrigues da Silva e Renan Medeiros. Isso acirra ainda mais a disputa entre eles pelo título da competição. "A responsabilidade fica muito grande para amanhã. Competência nós temos e vamos acelerar fundo para trazer o título para casa", comemorou Kath. Em terceiro lugar, vieram Marnes Alexandre Floriani e Cristian Mueller.

Na Graduados está mais movimentada, com novas duplas ocupando os dois primeiros lugares, a começar por Marcos Juliano Alves Bezerra e Willian Santos, que foram os melhores do grupo. "Campeão é feito com persistência. Tem que arriscar, como fizemos e nos tornamos vitoriosos", comentou Bezerra. Eles foram seguidos por Cristiano Testoni e Bruno Eduardo Lindemann, e André Pereira de Queiroz e Leandro Macedo Ferreira, nas segunda e terceira posições, respectivamente.

Na briga pela Júnior, Marcos Gustavo Francio e Bruno Rozalen Tesser assumem a liderança e abrem uma importante vantagem de seus principais adversários, Rafael Cabongue e Neto Andrade, que ficaram hoje na terceira colocação. O segundo lugar foi ocupado por Francklin Pscheidt e Fernando Santana Torquato. "São cinco anos que competimos juntos, batalhamos e estamos colhendo o que plantamos. Faremos o máximo para repetir o feito amanhã", afirmou Francio.

E na Jeep eles são unanimidade. Com mais uma vitória, pai e filho, Marcos Osires Nunes e Marcos Vinicius Nunes são líderes absolutos e rumam para o segundo título do Rally Transcatarina. "Vencemos em 2012, e queremos manter o desempenho, ganhar amanhã novamente e fechar com chave de ouro", salientou Marcos Osires. Na sequência vieram Devarlei Kuhn e Evandro Mioto, e Rogério Acunha e Gustavo do Amaral Plieski.


Enquanto alguns lutam por pontos, outros curtem o passeio

O grupo é grande e os veículos são de variadas marcas e modelos, basta ser 4x4. Em percurso paralelo, segue três categorias: a Adventure 1 e Adventure 2, em percursos mais radicais, e a Passeio, em caminhos mais leves e sem obstáculos. Eles seguem junto com as demais categorias da competição, porém, o único compromisso é divertir e curtir o visual.

"Está cada dia melhor. É para quem é apaixonado por off-road, tem espírito de equipe e muito amigos. Esse tipo de passeio nos dá força para vencer obstáculos. Resumindo, o Transcatarina é um exercício disso tudo", falou Paulo RobertoVier, mais conhecido como Pato Roco, e sua esposa, Claudia Vier.


Tudo que é bom, dura pouco

Amanhã é o último dia do Rally Transcatarina 2014. O percurso terá aproximadamente 140 quilômetros, com 90 quilômetros de especial. De Canoinhas, as duplas seguem sentido a Corupá para encerrar essa aventura em Jaraguá do Sul, que pela primeira vez receberá a competição. Os quilômetros finais serão percorridos na Arena Jaraguá, a partir das 14h30. Haverá uma arquibancada para acomodar o público, com serviço de bar no local.

Para obter mais informações acesse: www.rallytranscatarina.com.br.

Resultado - Dia 2

Categoria Super Máster


1º Flávio Roberto Kath / Rafain Walendowsky, 65 pontos
2º Acyr Hideki Rodrigues da Silva / Renan Meideiros, 65 pontos
3º Marnes Alexandre Floriani / Cristian Mueller, 63 pontos
4º Rone Branco / Enedir da Silva Júnior, 61 pontos
5º Paulo Roberto de Goes / Jhonatan Ardigo, 60 pontos

Categoria Graduados

1º Marcos Juliano Alves Bezerra / Willian Santos, 74 pontos
2º Cristiano Testoni / Bruno Eduardo Lindemann, 70 pontos
3º André Pereira de Queiroz / Leandro Macedo Ferreira, 69 pontos
4º Eduardo Ranghetti Rossi / Rogério Augusto Coelho, 66 pontos
5º Raniero Magnabosco Laghi / Volnei Correa da Silva, 63 pontos


Categoria Júnior

1º Marcos Gustavo Francio / Bruno Razalen Tesser, 77 pontos
2º Francklin Pscheidt / Fernando Santana Torquato, 70 pontos
3º Rafael Cabongue / Neto Andrade, 70 pontos
4º Orli Ademir Katzer / Gustavo Henrique Katzer, 61 pontos
5º Odair Queiroz / Rafael Augusto Avelar e Pinto, 56 pontos


Categoria Jeep

1º Marcos Osires Nunes / Marcos Vinicius Nunes, 79 pontos
2º Devarlei Kuhn / Evandro Mioto, 75 pontos
3º Rogério Acunha / Gustavo do Amaral Plieski, 70 pontos
4º Kassiano Kerber / Francisco Domingos Sette, 67 pontos
5º Guilherme Utz Melere / Felipe Bopp Fuentefria, 63 pontos


Programação - 6º Rally Transcatarina

26/07 - sábado

Roteiro: Rio Negrinho - Corupá - Jaraguá do Sul
À noite: premiação na Associação Baependi em Jaraguá do Sul


O Rally Transcatarina tem patrocínio de Troller Veículos Especiais S.A, Petrobras, Santur, Hankook Pneus e Hotel Renar

Apoio de Ensimec, Prefeitura Municipal de Jaraguá do Sul, Prefeitura Municipal de Papanduva, Prefeitura Municipal de Fraiburgo, Prefeitura Municipal de Canoinhas, Prefeitura Municipal de Rio Negrinho, Prefeitura de Timbó Grande, Ativa, Gatos & Ato e Grafimax

Realização: SC Racing

Supervisão: CBA e FAUESC

Fale conosco
Fale conosco pelo WhatsApp