Transcatarina: do Vale dos Imigrantes ao litoral sul de Santa Catarina

publicado em: 22/06/2021

Considerado um dos maiores eventos do Brasil, o Transcatarina tem forte apelo turístico. Com roteiro de cerca de 800 quilômetros, promove as belezas regionais de Santa Catarina

 

Serras, cânios, trilhas, cachoeiras... Um pedaço de Santa Catarina para o Brasil. O Transcatarina além de um evento esportivo (e de cunho social), tem grande importância para a divulgação do turismo catarinense, uma vez que ao longo de quatro dias de evento, desbravará percursos que apresentam o charme, as particularidades e as riquezas naturais do estado. 

 

Com largada de Fraiburgo e chegada em Tubarão, os participantes conhecerão por meio do off-road, locais que nem sempre são oferecidos nos pacotes de viagens das agências de turismo. Uma oportunidade incrível, aliada a grandes aventuras que somente um 4x4 proporciona. 

 

De 26 a 31 de outubro, com pernoites em Lages e Caçador, serão privilegiados mais de 20 municípios, a exemplo de São Joaquim, Urubici e Bom Jardim da Serra. 

 

 

 

Os cânions de Santa Catarina 

 

O Transcatarina é composto por oito categorias diferentes – Competição, Passeio Expedition, Passeio Radical 01 e 02, Camping e Adventure 01, 02 e 03 –, sendo que cada uma tem um percurso próprio. Desta forma, lugares para serem visitados e paisagens para serem admiradas não faltarão. 

 

 

Entre a largada em Fraiburgo – na região do Vale dos Imigrantes – e a chegada em Tubarão – no litoral sul –, os grupos se espalharão por Lages, Coxilha Rica, Serra do Corvo Branco e Serra do Rio do Rastro – que contemplam diversos cânions – e muito mais. 

 

“A Coxilha Rica é um importante ponto turístico de Santa Catarina, pois além de lindo, serviu de passagem para os tropeiros, na época do Brasil Império. Visitaremos as belas e famosas São Joaquim e Urubici, e poderemos mostrá-las como são no início do verão – uma vez que são muito conhecidas pelas baixas temperaturas e fortes geadas no inverno (já tivemos neve inclusive)”, contou o diretor geral do Transcatarina, Edson João da Costa. 

 

Para não estragar a surpresa, os diretores técnicos das categorias não revelam todos os detalhes do percurso, mas eles garantem apresentar uma Santa Catarina que todos sonham em conhecer. Entre as passagens estão: Corredeira Rio dos Patos, Campos de Lages, Garganta do Diabo (Rio Caveiras), Canion do Funil e diversos outros cânions e serras. 

 

“A cidade de Bom Jardim da Serra também está na nossa rota, e lá existem diversos cânions de deixar o queixo caído. O mais importante é que a maioria dos participantes sempre regressa a esses pontos turísticos para passar mais dias de lazer e descanso. O Transcatarina abre as portas para o turismo local”, enfatiza Costa. 

 

Além de incentivar o turismo de Santa Catarina, o Transcatarina desempenha a cada edição um forte trabalho social. Faz parte das inscrições, a entrega de 40 quilos de alimentos por veículo. A quantidade arrecadada – geralmente próxima de 10 toneladas –, é doada as instituições de caridade localizadas no roteiro que o evento passa. 

As inscrições estão abertas pelo site www.transcatarina.com.br 

 

 

 

O 13º Transcatarina tem patrocínio de Hotel Renar, SFI Chips, Scherer Auto Peças, RH Brasil e Alfa Transportes

Apoio de Atacadão dos Pneus, Accert Transporte e Logística, DSTrac Performance 4x4, Grupo Gratt, Rede PMX - Posto Maçã, Orange Sun, Guinchos Fixxar, 3RS Confecções, FD Stands e Displays, Lave Bem Lavanderia, Santa Prev Saúde, Auto Elite VW, Prefeitura de Fraiburgo e Prefeitura de Caçador

Realização: Caçador Jeep Clube

Parceria: SC Racing

Transcatarina: do Vale dos Imigrantes ao litoral sul de Santa Catarina

Fale conosco
Fale conosco pelo WhatsApp